Postado por: Bela Acompanhante em 05 de Fevereiro de 2019

São assuntos “que lhe dizem respeito”, disse na entrevista em que garantiu ter entregue ao oligarca Oleg Deripaska as alegadas gravações comprometedoras. À CNN já tinha dito que os serviços de segurança russos a instruiram a não falar sobre o tema.

Depois de garantir que tinha na sua posse provas da influência russa nas eleições presidenciais norte-americanas de 2016, a acompanhante de luxo bielorrussa Anastasia Vashukévich voltou com a palavra atrás e disse ter devolvido ao magnata russo Oleg Deripaska as comprometedoras gravações áudio e vídeo, as mesmas que garantia envolverem deputados e diferentes personalidades russas.

Veja mais no Bela:

Acompanhante de luxo revela os seus segredos
Como é a vida dupla das garotas de programa de luxo

Chegou também a dizer que essas gravações tinham sido apagadas – nada menos que 16 ou 18 horas (as notícias sobre o caso apresentam versões diferentes) – para agora, numa entrevista dada à agência AP Vashukévich voltar a afirmar que todo o material voltou para as mãos de Deripaska.

São assuntos “que lhe dizem respeito”, afirmou, referindo-se ao oligarca conhecido pelas fortes ligações ao Kremlin e por ter trabalhado diretamente com Paul Manafort, antigo diretor de campanha de Donald Trump. “Não quero mais problemas”, disse ainda a bielorrussa.

Conhecida nas redes sociais como Nastia Ribka, a mulher afirmou há dias numa outra entrevista, concedida à CNN, que os serviços de segurança russos a instruiram a não falar sobre o oligarca ou sobre a alegada interferência da Rússia nos Estados Unidos: “Falaram comigo em algumas ocasiões, quando estive presa na Rússia. Explicaram-me muito claramente o que devia fazer, o que devia dizer e o que não devia dizer”.

Vashukévich, atualmente com 28 anos, esteve presa durante quase um ano na Tailândia por ter prestado “serviços sexuais” e organizado “aulas de desempenho sexual”, crimes que confessou, acrescentando na altura a revelação sobre as alegadas gravações.

Veja mais no Bela:

7 RAZÕES QUE LEVAM OS HOMENS A PROCURAREM UMA GAROTA DE PROGRAMA
Verdade ou mentira? Homens casados são os que mais procuram garotas de programa

Deportada, acabou por ser detida num aeroporto de Moscovo no início de janeiro.

Compartilhar